Sejam bem-vindos - Atendimento e suporte: (43) 9970-2854/ contato@martexweb.com.br
7 plugins de segurança no WordPress para manter seu site seguro em 2020!

7 plugins de segurança no WordPress para manter seu site seguro em 2020!

A proteção de dados na internet é um dos desafios que empresários, usuários e pessoas de todas as partes do mundo que usam a rede para se comunicarem, têm lidado constantemente.

Quem tem um site do WordPress então, precisa pensar na segurança em dobro, já que se trata de sua responsabilidade zelar pela proteção desses dados.

O que é o WordPress?

Para quem não sabe, o WordPress é uma plataforma de sistema de gerenciamento de conteúdo, contendo vários temas, plugins e lotes de scripts. 

É possível criar um site ou um blog com o WordPress, e otimizar o conteúdo de forma fácil e rápida! 

Sendo assim, a plataforma é alvo constante de hackers e ataques digitais. Saiba como proteger o seu site dos perigos da internet, usando essas 7 dicas simples de plugins de segurança! 

Proteção do site: comece pela página de login

 

1-Ao criar um usuário para o seu site, não utilize a palavra ´´admin´´. A página de login é o alvo dos hackers, que utilizam ferramentas para tentar descobrir o usuário e a senha de um site.

Crie um nome de usuário forte, difícil de adivinhar e que seja facilmente monitorado por você.

2-Crie uma senha forte: a elaboração de um nome de usuário e de uma senha forte andam juntos. Um não existe sem o outro. 

O WordPress exige que a senha seja de 6 a 50 caracteres, por isso, não economize na hora de criá-la. 

Insira uma combinação de números, caracteres, símbolos, letras maiúsculas e minúsculas. Você pode aumentar ainda mais a segurança do seu site, trocando a sua senha a cada duas ou três semanas. 

O que seria uma senha fraca? Aquela que além de fácil de adivinhar, aparece em sequência de números, caracteres simples e sem criatividade:

*Exemplos: 1234, 987654321, nome da pessoa (Luísa 123, Marcos23), datas de aniversários, nomes de objetos (casa, carro), nome de animais de estimação e entre outros. 

Lembre-se: depois de criar um usuário e senha adequados, anote esses dados em um lugar seguro para não perder, assim como todas as suas senhas pessoais em um único lugar.

Você pode criar uma senha  online aqui pelo site: https://strongpasswordgenerator.com/ .

 

3-Personalizando a URL de login: quando se instala o WordPress pela primeira vez, ele possui uma URL padrão: /wp-admin. Esse tipo de URL deixa o site muito vulnerável, qualquer pessoa pode visualizá-lo. 

No próprio WordPress você pode alterar essa URL, personalizando o endereço do seu site utilizando plugins específicos.

Ampliando a segurança dos temas e plugins no WordPress

O WordPress possui inúmeros plugins e temas variados disponíveis ao usuário. 

Para uma maior segurança do site, deve-se excluir os temas e plugins que não estiverem sendo utilizados, permitindo que o site fique mais rápido e funcional. 

Cada tema e plugin mais utilizado deve passar por atualizações constantes, pois cada um desses itens são uma porta aberta para o acesso a área administrativa do seu site. 

 

4-É possível fazer com que o seu site atualize os plugins e temas automaticamente! Basta inserir esses códigos de arquivos: wp-config.php em plugins add_filter (´auto_update_plugin´,´_return_true´);

– Para proteger e atualizar os temas do seu site: add_filter (´auto_update_theme´,´_return_true´)

Muitos blogueiros estão utilizando a versão Premium dos temas e plugins do WordPress. 

Deve-se primeiro verificar as fontes destes temas, pois caso os scripts sejam nulos, eles serão uma porta de entrada para hackers!  

Plugins de segurança do WordPress

Conheça agora alguns plug-ins de segurança do WordPress, e aumente a segurança do seu site ou blog! No diretório do WordPress existem diversos plug-ins a serem utilizados:

 

5-Wordfence Security: este é o plugin de segurança mais baixado do WordPress, tanto na versão paga como na versão gratuita. Confira as principais vantagens desta ferramenta:

– Firewall: identifica rapidamente a atividade maliciosa, bloqueia os hackers e impede a invasão no site;

– Bloqueador: aciona os bloqueadores contra invasores no site, e impede que redes inteiras de hackers o acessem;

– Segurança: fornece segurança de login no site do WordPress, através da autenticação de dois fatores;

– Varredura de segurança: retira os plugins e temas obsoletos e sem uso no site;

 

6-iThemes Security: este também é um tema do WordPress bastante utilizado e baixado no site.

– Proteção dupla: impede que hackers invadam o site utilizando força bruta, como tentativas de login;

– Detecta bots que analisam a vulnerabilidade do site, monitorando os arquivos à procura de Malware;

– Possui backups regulares, incluindo a verificação de vulnerabilidades no site, bem como qualquer alteração das URLs;

 

7-Tudo em um WP Security e Firewall: protege contra os ataques de login de força bruta, faz backups automáticos e bloqueia usuários suspeitos no site;

Mantendo o seu site sempre seguro

Os plugins oferecem uma segurança extremamente importante em um site. Imagine que você demorou muito tempo para colocar o seu site no ar, abastecê-lo com conteúdo, informações e atualizações.

Mas, por não se atentar para as manutenções e segurança constantemente, alguém conseguiu hackear e bloquear todo o seu site!

Todas o seu trabalho e até mesmo da sua empresa, foram por água abaixo. 

Por isso, prezar pela segurança e utilização dos plugins e temas que citamos aqui, manterão o seu site sempre otimizado e pronto para a navegação!

Além disso, com um site ou blog no ar você atrai mais clientes, monetiza o conteúdo, expande o seu negócio e alcança mais pessoas.

Por que ter um site do WordPress? 

– Um site trabalha por você 24 horas por dia, nos 365 dias do ano;

– Passa confiança e credibilidade aos clientes;

– Dá para monetizar o site inserindo anúncios que tenham a ver com o seu negócio;

– Pode ser alterado a qualquer momento, de forma rápida, prática e fácil;

– O alcance de um site é maior, atraindo mais clientes de todas as partes do mundo;

– Fácil comunicação com o cliente, através de formulários e contatos;

– Fortalecimento da sua marca e presença com os clientes;

– O investimento financeiro feito no site é apenas um valor simbólico, pois o retorno financeiro é ainda maior;

E aí, pronto para colocar o seu site no ar? 

Deixe uma resposta